Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


ESTARÁ YELLOWSTONE PRESTES A ENTRAR EM ERUPÇÃO?

por Mäyjo, em 05.04.15

yellowstone_6

Não é segredo para ninguém que o Parque Nacional de Yellowstone, a reserva natural mais antiga do mundo, está localizado por cima de um super-vulcão. Na última semana surgiram rumores de que este grande vulcão estaria prestes a entrar em erupção, pois vários animais do parque começaram a abandonar o local e, no último domingo, ocorreu um tremor de terra – fenómeno que, em regiões vulcânicas, costuma ocorrer antes das erupções.

Contudo, é muito pouco provável que o super-vulcão subterrâneo – que na verdade é uma câmara magmática – de Yellowstone entre em erupção. O local é altamente monitorizado e existem outros indícios premonitórios, para além dos abalos de terra, que indicam o começo da actividade vulcânica.  A probabilidade reduzida de ocorrência do fenómeno foi confirmada pelo director de relações públicas do parque, Al Nash. “Não temos indicações que sugiram de que o vulcão de Yellowstone esteja prestes a entrar em erupção”, afirmou, citado pelo I Fucking Love Science.

Para desmistificar os rumores, Al Nash explica num vídeo o funcionamento do sistema geológico do parque, que regista entre 1.000 a 3.000 sismos por ano. “Francamente, estamos a poucos quilómetros à superfície de magma muito quente”.

É esta câmara magmática gigante que alimenta toda a actividade vulcânica do parque: os geysers, fumarolas, nascentes de água quente – fontes vulcânicas secundárias que atraem cerca de três milhões de visitantes por ano. De acordo com Nash, o sismo sentido no último domingo terá sido um movimento transcorrente, que pode não estar ligado aos processos vulcânicos. Este sismo, de 4,8 de magnitude, foi o maior desde 1980, mas não há registo de ferimentos ou prejuízos ou de que o vulcão irá entrar em actividade.

Os sismos são precursores de erupções vulcânicas e normalmente ocorrem dias ou semanas antes o vulcão entrar em erupção. Contudo, Yellowstone é monitorizado pelo Observatório Vulcanológico – uma parceria entre o Parque Nacional, a Universidade de Utah e o United States Geological Survey. A monitorização do vulcão é constante, com informação sobre a deformação do solo, temperatura e gases em tempo real. “Yellowstone nunca pára de tremer”, afirma Robert Smith, geofísico da Universidade do Utah.

Então por que é que os animais estavam a deixar o parque? De acordo com os canais oficiais de Yellowstone, “a verdadeira razão para os animais estarem a deixar o parque? O Inverno”. Os mamíferos tendem a migrar para terrenos mais baixos fora do parque, onde os recursos alimentares tendem a ser mais abundantes. Quando a neve derrete no parque, os animais voltam a Yellowstone. Porém, apesar de este sismo registado não constituir indícios de actividade vulcânica anormal, não quer dizer que uma erupção cataclísmica não possa acontecer.

A região de Yellowstone produziu três grandes erupções vulcânicas nos últimos 2,1 milhões de anos. Grandes volumes de magma foram expelidos para a superfície, a par de grandes nuvens de cinza vulcânica, gases e piroclastos. O solo colapsou e criou deformações vulcânicas, chamadas caldeiras. A última vez que este evento ocorreu foi há  640 mil anos e desde então apenas cerca de 80 erupções de lava ocorreram.

Contudo, se uma erupção destas proporções voltar a ocorrer em Yellowstone, as cinzas vulcânicas vão cobrir grandes áreas do solo norte-americano e a injecção de gases na atmosfera pode afectar o clima mundial. No entanto, a probabilidade de um acontecimento deste tipo nos próximos milhares de anos é extremamente baixa.

Veja algumas fotos do magnífico parque norte-americano.

 

 

A beleza de Yellowstone

 Fotos: Victorfe / nuance1979 / theclyde / CaptPiper / Terry Tollefsbol / droidman / Nathan Young / Travis S. / tomkellyphoto / mtsn / fritzmb / will.sebastian / Grenthar / exquisitur / moonlightbulb / Creative Commons

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:21


1 comentário

De Pedro Santos a 05.04.2015 às 17:46

Excelente post! Se esse vulcão entrasse em erupção, a vida estaria ameaçada. Mesmo se alguns humanos sobrevivessem ao Inverno Nuclear, a vida seria diferente.

Comentar post



Este blog disponibiliza informação com utilidade para quem se interessa por Geografia. Pode também ajudar alunos que por vezes andam por aí desesperados em vésperas de teste, e não só, sem saber o que fazer...

Mais sobre mim

foto do autor


Siga-nos no Facebook

Geografando no Facebook

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Abril 2015

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D